Blog ImpulseUP

Employer branding: o que é e como implantar?

Uma das grandes preocupações das equipes de RH atualmente é como adquirir e reter talentos. Isso porque os benefícios de um bom time na instituição são incontáveis e essenciais para o desempenho dela. Por isso, employer branding ou marca do empregador, em livre tradução, é um conceito tão importante nos dias atuais.

Neste artigo você vai entender o que é employer branding e como implantar na sua empresa de forma satisfatória. Continue lendo o artigo para saber mais.

Conceito de employer branding

Employer branding é um conjunto de técnicas e ferramentas que leva ao reconhecimento da organização como um bom lugar para se trabalhar. Diversos fatores podem caracterizar uma empresa assim, sendo o principal ponto, a valorização do colaborador.

Veja abaixo alguns pontos que levam ao reconhecimento da organização como um Great Place to Work:

Ambiente agradável

O ambiente de trabalho da organização contribui fortemente para o clima organizacional. Este, precisa de dois grandes fatores em harmonia: estrutura física e relações pessoais.

Uma empresa que fornece bons equipamentos de trabalho em um local confortável, contribui para a produtividade dos funcionários. Assim como aquelas que estimulam bons relacionamentos.

Ambientes muito competitivos, por exemplo, podem causar conflitos entre colaboradores. Dessa forma, é importante que a equipe de RH promova momentos de confraternização e interação entre as áreas.

Um bom exemplo de atividade diária que melhora o clima organizacional e demonstra valorização dos membros é a ginástica laboral. Acredite, alguns minutos de exercício físico diariamente não compromete o andamento das atividades e ainda promove interação entre os funcionários.

Cultura organizacional

É importante que a empresa tenha uma cultura definida e clara para todos os membros. Assim, é mais fácil alinhar posicionamentos e ações.

O colaborador que conhece a cultura organizacional de uma instituição sabe o motivo que o leva a estar alí e permite que ele se sinta satisfeito com o trabalho que desenvolve. Os princípios de uma organização vão definir como seu time vai pensar e agir em cada atividade e circunstância no dia a dia.

O fit cultural é um bom exemplo de valores empresariais alinhados aos valores dos funcionários. Isso leva transparência quanto as intenções da instituição para com os seus colaboradores.

Reconhecimento

Feedbacks são importantes para que os funcionários saibam como anda o desempenho das atividades. Entretanto, assim como os retornos construtivos, que apontam onde o colaborador deve melhorar, os retornos positivos também são importantes.

É interessante que o membro da instituição se sinta reconhecido pelos líderes, assim, ele se sente valorizado pelo tempo e pela energia que investe no seu trabalho. Algumas ferramentas podem ajudar o gestor de RH no momento de reconhecer funcionários, por exemplo, avaliações de desempenho e a elaboração de uma matriz nine box.

Elas vão ajudar na hora de apontar um funcionário para receber uma promoção ou um aumento salarial, que também são excelentes formas de reconhecimento. Claro, se ao entrar na instituição, o colaborador já perceber a existência de um plano de carreira e plano de sucessão, suas entregas terão uma motivação a mais.

Os talentos internos se dedicam para continuar na instituição e, os externos, buscam por uma oportunidade. Assim, a empresa monta equipes de alta performance e aumenta a capacidade competitiva no mercado.

Clique abaixo e receba nosso kit completo com orientações de feedback para aumentar o desempenho e engajamento dos colaboradores.

Como implantar o Employer branding

Agora que você já sabe o que é employer branding e as formas de valorização dos colaboradores, veja como implantar na sua instituição.

Planejamento

Como toda grande mudança ou implementação, para iniciar técnicas de employer branding é preciso planejamento. Se você quer resultados, planeje!

É importante definir qual será o objetivo dessa implantação: o time de RH busca atrair novos colaboradores ou reter os talentos já existentes? Ou talvez, o intuito seja melhorar o clima organizacional e aproximar-se do time.

Defina a equipe que trabalhará no projeto e estabeleça objetivos, metas e prazos para as ações.

Análise situacional

Tenha em mente o quadro atual na instituição e todas as condições do ambiente de trabalho. A equipe precisa ouvir os funcionários, levantar dados e informações antes de começar a implementar.

Procure saber como as pessoas percebem as lideranças da instituição, a cultura, a situação financeira e todo o quadro que influencia a rotina de atividades. A partir daí será possível estabelecer e manter um foco.

Marketing

Um projeto de employer branding precisa da colaboração entre as equipes de marketing e RH. Envolva a comunicação em todo o processo! O marketing vai ajudar a motivar os colaboradores e a se relacionar com os stakeholders da instituição de forma positiva. Assim, a possibilidade da empresa se tornar um Great Place to Work é ainda maior.

Vantagens

Se você ainda está se perguntando porquê investir tempo e recursos em employer branding, confira algumas vantagens para sua empresa.

Equipes de alta performance

Bons profissionais procuram nas empresas mais do que uma boa remuneração. As ações de employer branding contribuem para desenvolver um ambiente ao mesmo tempo agradável e desafiador para os colaboradores. Esses são estímulos que eles buscam.

Dessa forma, com ferramentas de employer branding, a organização consegue manter os bons profissionais e atrair grandes talentos, formando equipes de alta performance e aumentando a competitividade no mercado.

Valorização da marca

Um empresa tida como um bom lugar para se trabalhar tem valor agregado à sua marca. Isso porque os funcionários se tornam o principal canal de propaganda da empresa e o reconhecimento da empresa no mercado aumenta.

Quem almeja trabalhar em uma instituição, provavelmente confia no produto ou serviço dela. Por exemplo, empresas como Google, Netflix e Facebook, que são famosas por suas excelentes condições de trabalho e incentivam os usuários a tentarem candidaturas de trabalho.

Agora que ficou claro o que é employer branding, as vantagens, que tal começar a planejar a implementação?

Deixe um comentário