Blog ImpulseUP
colaboradores com PDIs cadastrados

Como o Instituto Atlântico atingiu a marca de 80% dos colaboradores com PDIs cadastrados na impulseup

O Instituto Atlântico é uma Instituição de Ciência e Tecnologia (ICT), com sede em Fortaleza/CE, e executa um trabalho voltado para pesquisas e desenvolvimento em Tecnologia da Informação em todo Brasil. O Instituto é parceiro da impulseup desde 2020, realizando uma Gestão de Desempenho contínua, sendo uma organização que se destaca pela quantidade de colaboradores com PDIs cadastrados. 

Em pouco mais de 2 anos de parceria, já são 5.281 ações de Planos de Desenvolvimento Individual registradas. Destas, aproximadamente 3.000 já foram concluídas!

Atualmente, são 742 colaboradores cadastrados na plataforma e mais de 80% deles têm ações de PDIs cadastradas. Só em agosto de 2022, foram 205 pessoas com, ao menos, um PDI criado na plataforma.

Esse trabalho do Instituto Atlântico, no desenvolvimento de seus profissionais, é resultado da Gestão de Desempenho realizada pelo RH e por um comitê formado por coordenadores, diretores e gestores de projeto.

Como a impulseup auxilia no crescimento profissional dos colaboradores

O Instituto possui fortes valores relacionados ao aprendizado. Assim, a adoção da plataforma impulseup para realizar a gestão de PDIs é essencial para que o RH tenha uma visão analítica desse processo.

A cultura de desenvolvimento é tão presente no Instituto Atlântico que já pode ser percebida logo nos primeiros dias dos funcionários, e a prova disso está no onboarding. Durante a integração dos novos colaboradores, o RH já apresenta a impulseup e cria o login de acesso à plataforma.

O próprio RH também explica como é o processo da Gestão de Desempenho realizada pelo Instituto, além de ressaltar a importância estratégica dos PDIs.

Outro exemplo do desenvolvimento constante no Instituto Atlântico é o programa de estágios chamado AsCan. Por meio dele, todo estagiário recebe acompanhamento de um mentor, que o auxiliará na sua trajetória de desenvolvimento.

De acordo com a necessidade de cada projeto no qual estão alocados, esses estagiários recebem orientações sobre determinados temas, sendo capacitados tecnicamente.

Essas hard skills, bem como as soft skills necessárias, são definidas em consenso entre o mentor, o estagiário e seu respectivo líder, e são inseridas como PDIs na impulseup. Assim, o mentor designado, o RH e o próprio estagiário conseguem acompanhar os status das ações diretamente na plataforma.

Essas duas situações mostram que as iniciativas de formação devem estar presentes em toda a jornada do colaborador. Por esse motivo, falamos que a Gestão de Desempenho deve ser contínua.

Os PDIs como desdobramentos das Avaliações de Desempenho

No Instituto Atlântico, os ciclos da Avaliação de Desempenho são semestrais. Para isso, há um trabalho de endomarketing por parte do RH antes e após a avaliação referente à elaboração dos PDIs.

São realizados dois treinamentos em cada ciclo, sendo que um deles tem o foco na sensibilização dos gestores. Já o segundo treinamento é específico para os colaboradores. 

Nesses treinamentos, são abordados o ponto de vista estratégico dos PDIs e os conceitos básicos de andragogia, que é a educação voltada para os adultos. Ou seja, ao menos duas vezes por ano os funcionários passam por essa preparação. 

Após a Avaliação de Desempenho e realização das devolutivas pela plataforma da impulseup, os gestores registram no sistema, em conjunto com seus liderados, as atividades dos PDIs necessárias, de acordo com o resultado da avaliação.

É importante ressaltar que, para a construção desses planos, são consideradas tanto as competências que precisam ser aprimoradas quanto aquelas que receberam boas pontuações na avaliação. 

Assim, é possível trabalhar também com o desenvolvimento dos talentos do Instituto, reconhecendo-os e incentivando-os a ficarem cada vez mais especializados.   

O RH também orienta que seus colaboradores e gestores adotem o modelo de aprendizagem 70/20/10, no qual considera-se que 10% do aprendizado é formal, 20% vêm das trocas de experiências e 70% com a prática.

Outras instruções também são dadas aos colaboradores que desejam criar suas próprias ações diretamente na ferramenta. Elas podem ser, por exemplo, a estipulação de prazos e definição de PDIs específicos para sua evolução profissional e que estejam alinhados com a estratégia da companhia.

Dessa maneira, o Instituto Atlântico impulsiona o desenvolvimento dos seus colaboradores, visando o progresso de todos. Afinal, uma organização com pessoas engajadas e de alta performance consegue alcançar suas metas, tendo o potencial para superar seus resultados.

Sua empresa também pode conquistar muitos colaboradores com PDIs cadastrados!

Para saber mais sobre Boas Práticas na Gestão de PDIs, você pode assistir ao Webinar realizado pela impulseup em parceria com o Instituto Atlântico. Basta acessar a gravação do evento aqui.  

Você também pode mensurar as competências dos seus colaboradores e estruturar planos de desenvolvimento individual. Clique aqui e comece já seu teste gratuito na impulseup.

Deixe um comentário