Blog ImpulseUP
engajamento de funcionários

Ações para o engajamento de funcionários com a empresa

Uma visão mais positiva da relação de trabalho implica em um movimento que se concentra na compreensão e na promoção de aspectos positivos da saúde do trabalhador. Neste contexto, estudos têm demonstrado que o engajamento no trabalho pode atuar como um promotor de maiores índices de bem-estar e desempenho organizacional. Pensando nisso, preparamos esse artigo onde elencamos algumas ações para o engajamento de funcionários com a empresa!

O que é engajamento?

O engajamento é um estado mental positivo caracterizado por um alto nível de energia que desencadeia sensação de bem-estar, preenchimento e identificação com o trabalho. A definição do conceito decorre de um vínculo psicológico, afetivo e emocional com o emprego.

Funcionários engajados não são apenas aqueles colaboradores motivados. Ter um profissional engajado é sinônimo de possuir uma pessoa com proatividade, esforçada e com um objetivo constante de alcançar o melhor e ajudar para o sucesso de sua empresa. Colaboradores engajados são aqueles que realmente “vestem a camisa” da organização, são extremamente comprometidos e que demonstram paixão por aquilo que fazem.

Altas demandas de trabalho desgastam recursos físicos e mentais do trabalhador, e podem causar esgotamento de energia e problemas de saúde, como a Síndrome de Burnout. Enquanto outros recursos de trabalho apresentam potencial motivacional para conduzir as pessoas ao alto desempenho em suas atividades por meio do engajamento.

Como montar um plano de ação para o engajamento de funcionários?

Antes de iniciar a idealização do plano de ação para o engajamento, é importante ter em mente os objetivos estratégicos da empresa, para pensar em ações coerentes com o propósito e a realidade da organização.

Sugerimos 3 passos para você seguir ao montar um plano de ação:
– Ouça o que os colaboradores têm a dizer;
– Trace um plano a partir do que ouviu dos colaboradores;
– Acompanhe o processo e recompense os resultados.

A seguir, vamos explicar o que fazer em cada etapa do plano de ação:

1º – Ouça o que os colaboradores têm a dizer

Antes de colocar em prática as ações de engajamento de funcionários, é necessário descobrir quais delas seriam ideais para o seu time. É muito importante dar abertura para os colaboradores expressarem suas necessidades e indicarem condições que poderiam favorecer a produtividade.

Por isso, desenvolva uma pesquisa com todos os colaboradores para entender as preferências deles. Por meio dela, você vai descobrir os principais pontos que estão incomodando seus funcionários e vai agir para deixá-los mais satisfeitos e engajados.

A pesquisa pode ser simples e direta, basta criar algumas perguntas básicas. Você deve adotar uma escala para as perguntas fechadas, mas é importante deixar espaços livres para respostas abertas também. Alguns exemplos são:

  • Quão estimulante é o seu trabalho?
  • O que pode melhorar em nossa empresa?
  • Qual é a chance de você indicar a empresa para alguém?
  • Qual é o seu nível de satisfação com seu trabalho?

2º – Trace um plano a partir do que ouviu dos colaboradores

O segundo passo é traçar o planejamento a partir da demanda dos colaboradores e da necessidade da organização. Analise o que mais apareceu na pesquisa, como isso afeta a empresa, e defina objetivos em cima disso.

É importante deixar os objetivos claros a todos, assim como seus benefícios. Definir uma meta clara ajudará as pessoas a direcionarem seus esforços, produzindo motivação e engajamento. Também vale pensar em metas que permitam à sua equipe visualizar o que foi realizado.

Com os objetivos definidos, será necessário estabelecer os meios pelos quais eles irão ocorrer, ou seja, como as ações serão executadas e a sequência lógica para garantir que os melhores resultados sejam obtidos da melhor maneira possível.

Por exemplo, se um objetivo é:

“Aumentar o conhecimento técnico da equipe”

Você deve traçar planos que envolvam:

Expandir os conhecimentos dos colaboradores.

Quer exemplos de como colocar isso em prática?

  • Você deve viabilizar cursos externos em instituições de ensino;
  • Levar professores para dentro da sua empresa;
  • Criar um circuito de palestras e workshops.

Lembre-se que a organização prospera com colaboradores mais preparados e qualificados!

3º – Acompanhe o processo e recompense os resultados

Para acompanhar o processo e saber se os colaboradores estão cumprindo os prazos, completando tarefas e atingindo os objetivos, uma boa opção é criar um cronograma de envios de relatórios ou de apresentações de resultados individuais, ou em equipe.

É importante levar em conta a cultura da empresa ao pensar nas gratificações. Alguns exemplos são: melhores condições de trabalho, reconhecimento, oportunidades de novos cargos e crescimento na empresa.

Outro exemplo que pode ser aplicado nesse caso é a implementação de um plano de cargos e salários, que faz com que o profissional se sinta confortável, sabendo por qual caminho sua carreira, provavelmente, deverá seguir. Assim, ele desenvolve as habilidades necessárias para ocupar determinado cargo ao mesmo tempo que cresce profissionalmente.

Exemplos de ações para o engajamento de funcionários

As iniciativas para o engajamento de funcionários precisam ser adaptadas às necessidades e motivações de cada indivíduo. Por isso, deve ser pensada de forma estratégica e em conjunto, visando incentivar o time e fortalecer o vínculo entre eles.

Pensando nisso, separamos alguns exemplos de ações que você pode usar para consolidar o engajamento de funcionários com a sua empresa!

Desenvolva lideranças positivas

Uma empresa que mantém seu time engajado, conta com aliados: os líderes das equipes. Um bom líder deve ser capaz de motivar e engajar os funcionários de seu time com os objetivos da empresa. Ele deve ser o exemplo para os demais funcionários, representando os valores e crenças da empresa.

Para isso, invista em programas de desenvolvimento de lideranças. Aposte na participação deles no processo de criação de uma nova cultura organizacional mais engajadora. Afinal, são eles que melhor conhecem seus times e saberão quais são as melhores ações de engajamento de equipes a serem adotadas.

No Blog ImpulseUP, temos artigos sobre como desenvolver líderes e como montar um programa de desenvolvimento de líderes, clique aqui e confira!

Invista na capacitação dos colaboradores

A falta de capacidade para exercer uma função é uma das causas para os funcionários se manterem desmotivados e improdutivos. Portanto mostre que sua empresa se preocupa em aprimorar as habilidades de seus funcionários. Além da capacitação técnica, esse tipo de ação ajuda o colaborador a entender sua real importância para a empresa e da execução correta de suas funções, estimulando seu aprendizado e satisfação profissional.

Invista em cursos e treinamentos para motivar os colaboradores. Assim, além de manter os funcionários mais engajados e felizes, a empresa contará com profissionais altamente capacitados e atualizados. Para isso, recomendamos a utilização de Planos de Desenvolvimento Individuais (PDIs).

O PDI é uma das formas mais eficazes de monitorar o desenvolvimento de diferentes competências de um colaborador. Quanto mais consistente ele for, maiores as chances de sucesso. Por isso, antes de estruturar o PDI é preciso rodar a Avaliação de Desempenho, pois sem conhecer o colaborador, não será possível desenvolvê-lo.

A avaliação tem como objetivo mapear quais competências precisam ser desenvolvidas e quais precisam ser adquiridas por cada indivíduo avaliado. A partir dos resultados, é possível montar PDIs com base nas competências que o colaborador precisa desenvolver, formulando ações que vão desenvolver esses pontos.

Após planejar e construir, dependendo da demanda da empresa, é válido buscar um software que ofereça o serviço de Avaliações de Desempenho, juntamente com o Plano de Desenvolvimento Individual, facilitando a elaboração e o acompanhamento do processo de cada colaborador.

A ImpulseUP oferece um sistema completo com avaliações, PDIs, Nine Box, feedbacks e diversos relatórios. No artigo que preparamos sobre PDI temos exemplos de como preencher e você pode visualizar melhor como é feito! Clique aqui e confira.

Ofereça oportunidades de crescimento

Sentir que possui chance clara de evolução dentro de uma empresa é um dos fatores mais valorizados pelos funcionários. Um plano de carreira bem estruturado é capaz de estimular o autodesenvolvimento de seus colaboradores, que podem ter um objetivo profissional real a ser alcançado.

Esse é um fator decisivo não somente para reter talentos, mas também para atraí-los. Por isso, procure conversar sobre planos de carreira com seus colaboradores. Mas, claro, sempre considerando os planos estratégicos e limitações da empresa, bem como as habilidades de cada funcionário.

Mas como trabalhar as oportunidades de crescimento para os funcionários?

Você pode, por exemplo, utilizar a Matriz NineBox para conferir colaboradores que tem alto potencial, para trabalhar seu desenvolvimento e ajudá-los a avançar novos níveis de cargo.

A Matriz NineBox é alimentada com os dados da Avaliação de Desempenho. Esse método tem sido cada vez mais utilizado dentro das empresas, e como o próprio nome diz, este recurso classifica os colaboradores dentro de nove caixas diferentes, a partir de um gráfico formado pelo eixo x horizontal (desempenho e entregas atuais) e eixo y vertical (potencial de crescimento futuro).

É uma maneira bastante visual de enxergar equipes de forma macro e pode ser usada para diferentes propósitos. Um deles é o planejamento de promoções e de sucessões, pois ao observar a matriz, é possível perceber quem são os colaboradores mais preparados e produtivos que podem, no futuro, ser promovidos ou ocupar um cargo de liderança que ficar vago.

O ImpulseUP possui nine box e, ainda, compila todas as informações de performance de colaboradores, como PDI, metas pessoais e organizacionais e feedbacks. Assim, os processos ficam atrelados e os dados não são perdidos.

Adote uma cultura organizacional engajadora

Podemos dizer que essa é uma das ações de engajamento de equipes mais desafiadoras, pois é preciso enraizar o processo no time interno e, provavelmente, você encontrará alguma resistência.

Não basta colocar em prática meia dúzia de ações ditas engajadoras se sua empresa não estimular a participação ativa dos colaboradores. Os colaboradores precisam perceber que seus líderes estão realmente engajados com as atividades, o que mostra a solidez da cultura organizacional. Apenas assim, as equipes começarão a se comprometer e os resultados a aparecer.

Por isso, é muito importante que a empresa tenha uma cultura consolidada. E é possível disseminá-la através de metas e objetivos para as equipes. Geralmente, profissionais que se identificam com a cultura, valores, missão e visão de negócios da organização onde trabalham têm mais possibilidades de promover um trabalho além do esperado.

Se quiser saber mais sobre Cultura Organizacional, confira o artigo: “[Guia Completo] Cultura Organizacional: o que é, importância, como desenvolver

Conclusão

Neste artigo vimos algumas ações para sobre engajamento de funcionários com a empresa, pois funcionários engajados podem ser considerados como os principais responsáveis para que uma empresa alcance resultados cada vez mais expressivos. Por isso, para melhorar a gestão de pessoas em uma organização, e, consequentemente, sua produtividade, algumas ações de engajamento nas empresas podem ser determinantes.

Agora que você já sabe como aumentar o engajamento dos colaboradores com a empresa, clique aqui e saiba mais sobre como aumentar a motivação no trabalho.

Deixe um comentário